Lição: 29 de Agosto a 4 de Setembro [Provérbios 1-4; 15-16; 22; 31; Eclesiastes 1-3; 11-12]

Updated: Sep 6

“O temor do Senhor é o princípio da sabedoria”




"Esta semana estudaremos os livros de Provérbios e Eclesiastes. O livro de Provérbios contém muitas parábolas (ditados), adágios e poemas, alguns dos quais foram escritos por Salomão. O livro de Provérbios é frequentemente citado no Novo Testamento assim como o livro de Salmos estudado anteriormente. O livro de Eclesiastes contém reflexões sobre alguns dos problemas mais profundos da vida. O autor do livro, o Pregador, escreve grande parte dele do ponto de vista dos que não possuem a compreensão do evangelho. Ele escreve conforme os sentimentos das pessoas do mundo — isto é, dos que estão “debaixo do sol” (Ecles. 1:9). O livro, em grande parte, é um tanto negativo e pessimista (Ecles. 9:5, 10). Essa não é a forma como o Senhor gostaria que percebêssemos a vida, mas sim como o Pregador observou que as coisas aparentam ser aos homens da Terra que não têm sabedoria. A parte mais espiritual do livro encontra-se nos capítulos 11 e 12, onde o autor conclui que a única coisa de valor duradouro é a obediência aos mandamentos de Deus." Com a designação para essa semana, aprenderemos a confiar no Senhor de todo o coração. Aprenderemos que temer a Deus significa amá-lo e obedecer a Ele. Veremos que a resposta branda desvia o furor, que podemos falar com gentileza e podemos compartilhar com as outras pessoas as coisas que estamos desenvolvendo em nós, sim; os atributos de Cristo! Segue vídeos com resumo dos acontecimentos nestes livros da aula dessa semana:




OBS: Os princípios aqui colocados não seguem divididos em "Crianças menores" e "Crianças maiores" como os tópicos no manual Vem, e Segue-Me - Primária. Os tópicos referentes a essa divisão cuja o tema ou assunto são os mesmos, serão postos em um só princípio destacados em negrito. As atividades sugeridas podem servir para ambos, então fica por escolha dos pais e líderes da Primária usar de acordo com a necessidade de sua classe ou filhos! Lembrando que todas as atividades são sugestões, e cada tópico ou princípio estão sugerindo atividades que podem ser feitas para ajudar no entendimento da doutrina ensinada, ou seja, escolham uma das sugestões de cada princípio e se tiver tempo podem realizar todas, lembrando também que nas aulas dominicais o tempo da aula é de 20 minutos. As atividades que não foram possíveis fazer devido o tempo ser curto, podem entregar as crianças para realizá-las em casa com a família!



No quadro, faça desenhos de coisas mencionadas no livro de Provérbios, tais como um coração, uma lâmpada ou um caminho. Ajude as crianças a ler Provérbios 3:5; 4:18, 26 e peça a elas que falem sobre algo que aprenderam sobre essas coisas nas escrituras.


Princípio 1: Posso confiar no Senhor de todo o coração. Provérbios 3:5


Quando confiamos no Senhor de todo o coração, temos fé Nele e sabemos que Ele nos ajudará.


Atividades sugeridas

  • Peça a uma das crianças que segure uma gravura do Salvador enquanto você lê Provérbios 3:5. Diga às crianças o que significa para você confiar no Senhor. Peça às crianças que façam um coração com as mãos, ou que coloquem as mãos sobre o coração, enquanto repetem várias vezes a frase “confia no Senhor de todo o teu coração”.

Recorte e coloque por cima da gravura de Jesus (antes da aula). Leiam juntos, várias vezes com a classe, depois retirem um pedaço e vejam se as crianças ainda conseguem dizer a escritura, depois retirem outro pedaço e vejam se ainda conseguem dizer, elas vão começar a ver a gravura de Jesus, e ficar ansiosas. Diga-lhes que terminem de recitar a escritura, para que possam remover todas as peças. Em seguida, deixe que as crianças segurem a gravura, enquanto você explica o que significa confiar no Senhor.



BAIXE AQUI

BAIXE AQUI P&B

  • Desenhe um grande coração no quadro e ajude as crianças a pensar em coisas que podem fazer para mostrar que confiam no Senhor. Peça às crianças que desenhem dentro do coração, ou em um pedaço de papel, as ideias que tiveram. Incentive-as a compartilhar com seus familiares as ideias que elas tiveram.

Faça um colar com as etiquetas, peça às crianças que desenhem (ou escrevam) nas etiquetas “coisas que elas podem fazer para mostrar que confiam no Senhor”. Pode adicionar miçangas ou cereais de frutas.

BAIXE AQUI


“Confia no Senhor de todo o teu coração.” Provérbios 3:5–7

  • Leiam juntos Provérbios 3:5–7, e peça às crianças que façam uma lista de coisas que esses versículos ensinam que devemos fazer e não fazer. Pergunte o que elas acham que cada uma dessas coisas significa. Quais são as qualidades das pessoas em quem confiamos? Quais são as qualidades do Senhor que nos ajudam a confiar Nele?

  • Para mostrar o que significa a frase “não te estribes no teu próprio entendimento”, peça às crianças que tentem apoiar uma vareta ou um lápis contra vários objetos, tais como um livro ou um pedaço de papel. Qual objeto funcionou melhor? Por que é importante “[confiar] no Senhor” em vez de se apoiar no “próprio entendimento”?

Antes de perfurar os lápis fale com as crianças sobre o que pode acontecer, depois fale sobre não confiar no nosso entendimento.

BAIXE AQUI



Princípio 2: Posso falar com gentileza. Provérbios 15:1, 18


Em situações tensas ou frustrantes, podemos ser tentados a responder com raiva. Provérbios 15:1, 18 nos ensina como podemos nos desviar da raiva.


Atividades sugeridas

  • Leia Provérbios 15:1 para as crianças e explique as palavras ou expressões que elas talvez não conheçam. Dê exemplos de situações em que as crianças podem se sentir zangadas (tais como discussões entre irmãos). Ajude-as a pensar em “respostas brandas”, ou palavras gentis, que poderiam usar em vez de palavras zangadas. Ajude-as a praticar dizer essas coisas suavemente ou com uma voz calma.



BAIXE AQUI


Aqui está uma atividade da revista Meu Amigo Setembro 2022:

https://www.churchofjesuschrist.org/study/friend/2022/09/jack-uses-kind-words?lang=por

BAIXE AQUI

BAIXE AQUI

  • Cantem uma música sobre gentileza, como “A bondade por mim começará” (Músicas para Crianças, p. 83). O que essa música nos ensina sobre ser bondoso?

BAIXE AQUI COLORIDO

BAIXE AQUI P&B



  • Para ajudar as crianças a entender o que significa “longânimo” (Provérbios 15:18), conte uma experiência pessoal sobre uma ocasião em que você (ou um conhecido seu) sentiu-se com raiva, mas decidiu ser gentil. Deixe as crianças contarem suas próprias experiências. Ajude as crianças a pensarem nas coisas que elas podem fazer para não ficarem com raiva. Por exemplo, elas podem pensar em Jesus, pedir ao Pai Celestial que as ajude, cantar uma canção da Primária para si mesmas ou, se possível, simplesmente ir embora.


“A resposta branda desvia o furor.” Provérbios 15:1, 18; 16:32


Muitas vezes, falar com raiva só piora a situação. Esses versículos ensinam que nossas palavras e atitudes podem desviar a ira ou a raiva.


Atividades sugeridas

  • Escreva as palavras furor e contenda no quadro; depois, compartilhe um exemplo de desentendimento que as crianças possam ter. Depois, peça às crianças que leiam Provérbios 15:1, 18; 16:32 e encontrem conselhos que poderiam dar a crianças que estejam se desentendendo. Cada vez que as crianças compartilharem uma ideia, peça a elas que apaguem parte das palavras no quadro. Convide-as a substituir essas palavras por outras que descrevam atributos semelhantes aos de Cristo e que tragam paz.

BAIXE AQUI

  • Ajude as crianças a pensar em histórias das escrituras em que o Salvador exemplificou o que é ensinado em Provérbios 15:1, 18; 16:32. Como sugestões, elas podem ler João 8:1–11; 18:1–11. Cantem uma música sobre o exemplo do Salvador, como “Eu quero ser como Cristo” (Músicas para Crianças, pp. 40–41). Como podemos seguir o exemplo de Jesus ao interagirmos com nossos familiares, amigos e outras pessoas?


Da revista Meu Amigo Setembro 2022:

https://www.churchofjesuschrist.org/study/friend/2022/09/whats-on-your-mind?lang=por

BAIXE AQUI



Princípio 3: Posso compartilhar com outras pessoas as coisas que tenho. Provérbios 22:9


As crianças pequenas podem aprender a ajudar as pessoas necessitadas ao redor delas. Como você pode inspirá-las a compartilhar com outras pessoas o que elas têm?


Atividades sugeridas

  • Mostre às crianças várias fotos de pessoas servindo ou ajudando aos necessitados, inclusive gravuras do Salvador (como o Livro de Gravuras do Evangelho, nºs42, 44 e 46). Peça às crianças que digam o que está acontecendo em cada gravura. Leia Provérbios 22:9 para as crianças. Explique que uma maneira de podermos servir é dar “pão ao pobre”, mas há muitas outras formas de ajudar os necessitados. Peça que as crianças façam um desenho delas mesmas ajudando alguém necessitado.


BAIXE AQUI


  • Traga para a aula vários objetos que possam ser compartilhados com as crianças, tais como fotos ou giz de cera. Ao entregar um objeto para cada criança, diga: “Vou compartilhar com [nome da criança]”. Peça às crianças que se revezem compartilhando os objetos umas com as outras. O que mais podemos compartilhar com outras pessoas?


https://www.churchofjesuschrist.org/study/friend/2022/09/for-little-friends?lang=por

BAIXE AQUI

  • Cantem uma música sobre serviço, como “O riachinho faz” (Músicas para Crianças, pp. 116–117). Ou mostre o vídeo “Gordon Hinckley: Lições Que Aprendi Quando Jovem” (ChurchofJesusChrist.org). Pergunte às crianças como se sentem quando ajudam outras pessoas.




Princípio 4: Temer a Deus significa amá-Lo e obedecer a Ele. Provérbios 1:7; 2:5; 15:33; 16:6; Eclesiastes 12:13


Uma das importantes mensagens encontradas em Provérbios e Eclesiastes é: “Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos” (Eclesiastes 12:13). Pondere sobre como você pode ajudar as crianças a entender o que significa temer a Deus.


Aqui está um vídeo que fala mais sobre como podemos demostrar amor a Deus:


Atividades sugeridas

  • Peça às crianças que façam uma lista de coisas que as pessoas temem. Depois, peça a elas que leiam Provérbios 1:7 e Eclesiastes 12:13. O que significa temer a Deus? Para ajudar a responder essa pergunta, peça a uma criança que leia novamente esses versículos, substituindo a palavra “temor” por “reverência” e a palavra “teme” por “reverencia”. Repita a atividade usando palavras como “amor” e “ame”, ou “obediência” e “obedeça”. Como isso muda nossa compreensão do que significa temer a Deus?

  • Peça a cada criança que escolha um dos seguintes versículos para ler, procurando a palavra “temor”: Provérbios 1:7; 2:5; 15:33; 16:6. Peça às crianças que compartilhem o que seu versículo ensina sobre as bênçãos que recebemos quando tememos o Senhor, ou seja, quando mostramos reverência e respeito a Ele (ver também Provérbios 14:26–27). Como podemos mostrar ao Senhor que O amamos e respeitamos?

Corte os pedaços, coloque as referências das escrituras no quadro e distribua os pedaços menores de papel. Peça-lhes que descubram em qual referência sua frase está.

BAIXE AQUI


Aqui está o vídeo com a história da semana sobre um construtor de robôs que está frustrado porque toda vez que ele constrói um novo robô, ele fica com raiva! Então ele logo descobre que uma voz suave e palavras gentis ajudam seus robôs a se acalmarem.


Segue "videoaula" para as crianças:



Por favor não modificar os documentos ou fazer venda deles. Este é para uso próprio, familiar e de distribuição para as suas Primárias. Compartilhem sempre o link do site para que outros tenham acesso também. Não usar as ilustrações fora de seus arquivos e redistribuir publicamente pela internet (redes sociais). Esses materiais em sua maioria, foram feitos com carinho e dedicação por nossa criadora das atividades, Crystal Wallace, originalmente em Inglês (theredcrystal.org) na qual são traduzidos para repostar em Português. Atualmente só estamos disponibilizando em (Inglês) e (Português), quando retornarmos com os materiais em (Espanhol) será comunicado!



Com amor,


Vem e Segue-Me Kids

7,311 views1 comment

Recent Posts

See All